Categorias
Blog

5 dicas e ferramentas que melhoram a gestão financeira da empresa

ferramentas para melhorar gestão financeira empresa

Todo empresário sonha em ver seu negócio crescer e prosperar. Entretanto, para alcançar os resultados pretendidos, é imprescindível atuar de forma disciplinada, planejada e estratégica. Nesse contexto, surge a importância de uma gestão financeira eficiente: essas boas práticas poderão beneficiar o empreendimento com a diminuição de erros e, por consequência, maximizar os lucros.

Pensando nisso, preparamos o post de hoje com 5 dicas valiosas que lhe ajudarão a melhorar a gestão financeira de sua empresa. Siga a leitura e confira como colocar essas ferramentas em prática!

1. SISTEMA DE COBRANÇA

Um sistema de cobranças eficiente é a base para a capitalização do negócio e para a redução dos riscos de inadimplência dos clientes. Assim, a emissão de notas fiscais e boletos deve contar com o auxílio de um sistema informatizado que integre informações e torne as tarefas do dia a dia fáceis e rápidas.

Outro investimento que vale a pena ser considerado é em uma agência de cobrança de clientes inadimplentes. Essa ferramenta auxilia, principalmente, empresas que possuem recebíveis mensais em diferentes datas. Com esse serviço, será possível controlar as inadimplências e manter a saúde financeira do empreendimento.

2. REGISTRO E ACOMPANHAMENTO DAS ENTRADAS E SAÍDAS

O controle das entradas e saídas de dinheiro da empresa em um determinado intervalo de tempo é imprescindível para fornecer uma previsão ao empresário do montante que estará a sua disposição no futuro. Para que a gestão financeira seja efetiva, é necessário acompanhar e realizar lançamentos diários de todas as movimentações da conta.

As maiores vantagens dessa ferramenta estão nos prognósticos de excedentes ou de escassez de recursos para investimentos e pagamentos dos compromissos assumidos. A partir dessas informações, será possível proceder a uma gestão financeira que envolva o aproveitamento máximo de recursos.

3. PLANEJAMENTO FINANCEIRO

O planejamento financeiro é um conceito fundamental para empresas que desejam se fortalecer no mercado e tomar decisões acertadas diante de diferentes cenários. Isso ocorre porque esse instrumento possibilita aos gestores conhecer a situação financeira do negócio, além de suas expectativas a curto, médio e longo prazo.

Quando o foco é a gestão financeira, esse planejamento torna-se ainda mais relevante já que é preciso mensurar imprevistos e gastos extraordinários para, então, buscar minimizar seus impactos nos objetivos e resultados pretendidos pela organização.

4. CONTROLE DE CUSTOS

O controle de custos é o instrumento que discrimina todas as despesas da organização e fornece as informações necessárias sobre a rentabilidade e desempenho de suas atividades.

O objetivo dessa análise consiste em responder questões cruciais como:

  • A empresa está gastando seus recursos de maneira eficiente?
  • Está sobrando capital para realizar novos investimentos?

Para chegar a essas conclusões, é feito uma investigação de todos os custos, despesas fixas e variáveis, diferenças entre custos previstos e reais, análise de vendas, lucros e capital investido nos processos operacionais.

A discriminação minuciosa de todos os custos auxilia o gestor a otimizar e, quando necessário, até diminuir, gastos supérfluos que estejam impactando de forma negativa negócio.

5. CONSULTORIA ESPECIALIZADA

O empreendedor que não é da área contábil ou administrativa costuma enfrentar algumas dificuldades como separar o patrimônio pessoal do empresarial, organizar o fluxo de caixa e reservar um montante como capital de giro.

Essas atitudes impedem que o gestor saiba de forma clara como está a saúde financeira do negócio e atravanca suas possibilidades de crescimento.

De modo a resolver esse impasse, a ajuda de uma consultoria especializada em finanças é sempre bem-vinda. O consultor financeiro auxiliará o administrador orientando-o sobre como traçar as diretrizes necessárias para o planejamento financeiro levando em conta as características individuais do negócio, além de fornecer indicações sobre como a empresa poderá aplicar seu capital.

E você? Como tem feito a gestão financeira de sua empresa? Já adota algumas dessas medidas? Não deixe de compartilhar a sua experiência nos comentários e ajudar-nos a enriquecer nossas discussões sobre o assunto!

Uma resposta em “5 dicas e ferramentas que melhoram a gestão financeira da empresa”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *